Sexta-feira, 2 de Maio de 2014
Jardim de Infância #60

 

O livro que o Nenuco trouxe esta semana do Infantário foi “As Moedas de Ouro de Pinto Pintão” de Alice Vieira.

 

Resumo:

Pinto Pintão fartava-se de bicar no chão mas não encontrava nenhum grão. Pinto Pintão começava a desanimar, até que certo dia encontrou uma bolsa de moedas de ouro e resolveu ir entrega-las ao rei.

Mas o palácio do rei era muito longe e apareceram-lhe uma série de obstáculos. Primeiro foi um rio, Pinto Pintão bebeu a água toda para conseguir passar. Depois veio uma raposa e Pinto Pintão engoliu-a. De seguida uma Coruja e Pinto Pintão comeu-a. Por último, um lobo e Pinto Pintão devorou-o.

Cansado, Pinto Pintão chegou finalmente ao palácio e entregou as moedas ao Rei.

O rei agradeceu mas, em vez de lhe dar a recompensa, ordenou que os guardas o prendessem na capoeira. Então, Pinto Pintão abriu o bico e saiu a raposa que comeu as galinhas.

Sem medo, o rei mandou os guardas levarem Pinto Pintão para a cavalariça. Então, Pinto Pintão abriu o bico e saiu o lobo que comeu os cavalos.

O rei voltou a mandar os guardas enfiá-lo, desta vez num pote do azeite. Então, Pinto Pintão abriu o bico e saiu a coruja que bebeu o azeite.

Mas o rei era tão maldoso que ordenou aos guardas que o metessem dentro do forno. Então, Pinto Pintão abriu o bico e saiu a água do rio que apagou o forno, que alagou as ruas, que entrou pelas casas, que destruiu os campos e que inundou o palácio.

O rei ao ver tanta desgraça ordenou aos reis para que devolvessem a bolsa ao Pinto Pintão, desde que as águas parassem.

Pinto Pintão fez parar as águas, bateu asas de contente e nunca mais ninguém o viu.

Há quem jure que, entre montes e vales, se ouve o Pinto Pintão cantar que é feliz  e que encheu a dispensa com as moedas do rei.

 

Conclusões:

Já tinha reparado que o meu filho acha graça a rimas porque de vez em quando me pergunta o que rima com o nome dele, com o nome do pai, com o meu nome, com o nome do cão, e por aí fora. Farta-se de rir quando eu digo as palavras que rimam.

Nesta história, todas as falas de Pinto Pintão rimam e ele, como a educadora já tinha contado a história, sabia algumas.

 



Publicado por onossolugar às 18:38
Link do post | Comentar | Favorito

Sobre mim
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Posts recentes

Gravidez

Consulta dos 6 anos

Parabéns a nós

Quem é viva sempre aparec...

Science4you

Pai

Muitos parabéns meu amor!

Jardim de Infância (15/16...

Dinossauros

Zenit 1 – 2 Benfica

Sporting 0 – 1 Benfica

Jardim de Infância (15/16...

Sábados em casa

Chuva de granizo

Virose

Remodelação de poltrona

Virose ou não

Virose ou não

CARNAVAL

Benfica 1 – 0 Zenit

Cinema

Jardim de Infância (15/16...

CARNAVAL

CARNAVAL

Science4you

Fondue

Foi ao Senhor Doutor

Feijoada de chocos

Coisas que uma mãe ouve

Relvinhas

Arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Etiquetas

4 anos

5 anos

6 anos

aquele dia

baby

barney

circular

coisas que gosto/quero

coisas que vinham mesmo a calhar

dúvidas e mais dúvidas...

filho

gravidez

jardim de infância

livros

maquilhagem

mundial 2014

música

pedidos ji

piadas

receitas

sonho/pesadelo

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds